top of page

Grupo de Mídia da Região Norte Vira Sócio do Fundo Bossanova

Com negócios em publicidade e na gestão de influenciadores digitais, empresa comprou participação minoritária no fundo de VC fundado por João Kepler e Pierre Schurmann e agora mira receita de R$ 500 milhões


Um dos nomes mais ativos na publicidade da região Norte, o grupo de comunicação Mene & Portella comprou participação minoritária na Bossanova Investimentos, venture capital liderado por João Kepler e Pierre Schurmann com mais de 1.600 startups no portfólio.


A entrada dos sócios será via CaptAll Ventures, o veículo de venture capital aberto pelo Mene & Portella para coordenar os investimentos em negócios de tecnologia.


Veja também:


Além da Mene & Portella, Lessandro Herbert, CEO da Hebert Engenharia e da Coppi Empreendimentos, também entrou no grupo de sócios do fundo de venture capital.


Bossanova Investimentos


Mene & Portella se juntam a um time de referências entre startups e que também são sócios minoritários da Bossanova:

  • Banco BMG

  • Grupo Primo, do youtuber Thiago Nigro

  • Thiago Oliveira, fundador da empresa de logística IS Log & Services

  • Janguiê Diniz, fundador da Ser Educacional e Instituto Êxito

A chegada dos sócios vem num momento ativo da Bossanova, eleita a 15ª venture capital mais ativa em early stage no segundo trimestre deste ano — único nome da América Latina no ranking global da americana PitchBook Data, uma das principais empresas fornecedoras de dados sobre capital privado do mundo.


Também foi apontada como a 8ª venture capital mais ativa em investimentos feitos fora do eixo EUA, Europa e China no mesmo período.


No primeiro semestre de 2022, a Bossanova investiu 26,8 milhões de reais em startups, mais que o dobro em volume de investimentos em comparação com o mesmo período do ano passado, com 13 milhões de reais.


A nova sociedade


Os sócios da Mene & Portella conheceram Kepler num curso do fundador da Bossanova sobre investimento-anjo, anos atrás. Desde então, os três mantêm um relacionamento estreito nos negócios.


Em agosto, os sócios da Mene & Portella e a Bossanova investiram juntos na gestora de canais de influenciadores Non Stop.


“Temos a mentalidade de valorizar quem agrega ao crescimento da Bossanova. Desde que a CaptAll Ventures e o Lessandro Herbert começaram a investir conosco, viemos estreitando nossa relação, percebendo que as especialidades e as experiências que eles carregam poderiam se unir com nossos planos futuros e trazer para nós um dinamismo ainda maior no mercado”, diz Kepler.



A expectativa é que os novos sócios se sentem no board da Bossanova com ideias para melhorar a comunicação dos negócios investidos pela Bossanova.


Por trás da Mene & Portella estão os empreendedores Túlio Mêne Melo e Nilio Braga Portella, amigos desde os tempos de faculdade de Economia numa universidade de Manaus.


Bossanova Investimentos
(Da esquerda para a direita) Nilio Braga Portella, Janguiê Diniz, João Kepler, Túlio Mêne, Lessandro Hebert, Eduardo Dominicale (BMG). Divulgação

Leia o conteúdo na íntegra em Exame.com

 

Junte-se a nós. Conheça a "Comunidade Belém Negócios". Faça networking e desenvolva novas habilidades. Quer receber mais notícias como essa? Faça parte do nosso grupo do WhatsApp e siga nosso perfil do Instagram.

bottom of page