top of page
central-cop-30-belem-2025.gif

Plataforma Seleciona Negócios Focados na Amazônia e Oferece Empréstimos Coletivos de até R$ 800 Mil

Chamada aberta para negócios de impacto que atuam na região amazônica; veja como funciona


A Chamada de Negócios de Impacto visa encontrar negócios de impacto social e/ou ambiental positivo que atuam no Brasil, e que estejam em busca de recursos financeiros. A Plataforma de Empréstimo Coletivo oferece acesso a capital, apoio na estruturação da parte financeira da organização e conexão com uma rede de mentores e parceiros.


Negócios de impacto podem se inscrever na iniciativa para serem selecionados e terem acesso a capital acessível e paciente, além de uma rede de mentores que irão apoiar no crescimento do negócio.



Após o cadastramento, o negócio passará por uma triagem feita pela equipe de Investimento de Impacto da Sitawi, que avaliará se a organização atende aos critérios básicos para o empréstimo e, em caso positivo, ele passará por uma análise aprofundada. Após as análises o negócio poderá entrar na base de negócios, sendo sinalizada no momento de uma abertura de oportunidade de captação de empréstimo.


A chamada para negócios de impacto focados na Amazônia está aberta por tempo indeterminado.


Conheça as condições oferecidas para esta chamada:

  • Valores entre 100 mil e 800 mil reais;

  • Taxa de Juros entre 6% e 14% ao ano;

  • 0 a 6 meses de carência;

  • Entre 24 e 36 meses para pagar

Sobre a Sitawi


A Sitawi é pioneira em investimentos para impacto positivo. Desde 2008, já mobilizou mais de R$27,5 milhões em empréstimo para negócios de impacto socioambiental. Em 2019 desenvolvel a Plataforma de Empréstimo Coletivo, que chegou para democratizar o investimento de impacto no brasil. Oferece para pessoas físicas a possibilidade de investir em organizações e de fomentar o impacto socioambiental positivo.


Como funciona



Veja também:

 

Conheça a Comunidade Belém Negócios. Faça networking e desenvolva novas habilidades.


Siga o nosso perfil no Instagram.

Comments


Últimas notícias

Publique uma notícia

bottom of page