top of page
Belem-negocios-connection.gif

O Que É Criptomoeda? Tudo O Que Você Precisa Saber

As criptomoedas são basicamente ativos digitais. São protegidas por criptografia, o que torna quase impossível de falsificar



Bitcoin, blockchain e criptomoedas explodiram no cenário mundial em 2008, quando a publicação online de um white paper pseudônimo forneceu uma visão de uma nova maneira de transferir valor pela Internet. Na década seguinte, desde que o mercado de cripto-ativos passou por todas as fases clássicas de uma tecnologia disruptiva: mercados em alta massivos e retrocessos esmagadores, períodos de euforia e momentos de desespero, FOMO (medo de perder), medo e tudo o mais.


À medida que o criptomercado entra em sua segunda década, os mercados de criptomoedas estão se preparando para novos passos e muitos dos maiores investidores e instituições financeiras do mundo estão se envolvendo. A maioria das criptomoedas opera sem a necessidade de uma autoridade central como um banco ou governo e, em vez disso, opera por meio de um livro razão distribuído para espalhar o poder entre sua comunidade. Por esse motivo, as instituições financeiras oficiais dos países estão estudando formas de também entrar no mercado e definindo suas próprias regras de uso.


Como acontece com qualquer investimento, é importante entender exatamente o que é. Isso se torna necessário quando se trata de um ativo especulativo e ainda em evolução, como a criptografia.


O que é criptomoeda?


Um tipo de moeda digital e descentralizada. A criptomoeda pode ser usada para comprar e vender coisas ou como reserva de valor de longo prazo. No entanto, vários países não permitem que a criptomoeda seja usada para comprar bens e serviços.


"As criptomoedas são basicamente ativos digitais. Elas são protegidas por criptografia, o que torna quase impossível falsificar ou gastar o dobro", disse Hitesh Malviya, fundador da ItsBlockchain.


A moeda digital pode ser comprada e vendida usando as centenas de trocas online disponíveis para os investidores. Os investidores fizeram grandes somas jogando seu dinheiro em novas moedas digitais, mas sua natureza volátil significa que os poupadores podem facilmente perder seu dinheiro.


Por que a criptomoeda é popular?


Com a criptomoeda, há uma nova maneira de transacionar e armazenar valor. Muitos acreditam que é notavelmente melhor do que o fiat tradicional e o ouro. A descentralização das operações financeiras por meio de criptomoedas tem várias eficiências em relação ao sistema financeiro tradicional. Ele corta quase os custos indiretos. Além disso, os custos de transação são mais baratos e podem ser enviados e recebidos internacionalmente.


Com moedas fiduciárias (moeda emitida pelo governo que não é lastreada por uma mercadoria como o ouro e deriva seu valor unicamente da confiança que as pessoas depositam nela), as nações podem imprimir e restringir a impressão de dinheiro. Portanto, o valor pode flutuar. Para aqueles que vivem em países com hiperinflação e economias instáveis, as criptomoedas podem ser uma alternativa para armazenar valor do que a moeda fiduciária.


Porém, no caso das criptomoedas, existe uma política monetária definida que não pode ser alterada por ninguém, independentemente de quem seja.


Tipos de criptomoedas


As criptomoedas devem ser usadas para pagamentos, transmitindo valor (semelhante ao dinheiro digital) por meio de uma rede descentralizada de usuários. Muitos altcoins (ou seja, não Bitcoin ou às vezes éter também) são classificados dessa forma e podem, às vezes, ser chamados de tokens de valor. A seguir está a lista de moedas digitais populares pelo valor total em dólares das moedas existentes:


Bitcoin

Ethereum

Cardano (ADA)

Binance Coin (BNB)

Tether

Solana

XRP

Dogecoin

Polkadot (DOT)

USD (USDC)


Como funcionam as criptomoedas?


A criptomoeda funciona muito como o PayPal ou um cartão de crédito, exceto que você troca ativos digitais por bens e serviços em vez de dólares americanos. Para fazer uma transação com criptomoeda, você deve trocar moeda com um colega usando uma carteira digital conhecida como carteira de criptomoeda.


Uma carteira de moeda digital é um software que permite transferir fundos de uma conta para outra. Para concluir uma transação, você precisa acessar uma senha, conhecida como chave privada. A chave privada é muito parecida com uma conta bancária. Você pode possuir várias chaves e possuir todos os fundos enviados para essas chaves. As transações são registradas em um livro-razão público, que mostra os totais das transações sem revelar as identidades das partes envolvidas.


"A mineração de criptomoedas é o processo necessário para verificar as transações. Envolve uma grande quantidade de poder de computação e algoritmos complicados, mas aqueles que têm sucesso na resolução de problemas por meio da mineração podem ganhar moedas de recompensa, tokens ou taxas de transação", disse Malviya.


Ele explicou que, quando se trata de criptomoedas, um dos maiores desafios para os investidores é não se deixar levar pelo hype. As criptomoedas surgiram como uma classe de ativos que oferece uma chance de investir e obter retornos substanciais. A classe de ativos conquistou enorme popularidade nos últimos anos. Para iniciar a negociação de criptografia, é necessário configurar uma conta. Para começar, um indivíduo pode investir apenas Rs 100.


Riscos de criptomoedas?


As criptomoedas ainda são relativamente novas e o mercado para essas moedas digitais é muito volátil. Uma vez que as criptomoedas não precisam de bancos ou terceiros para regulá-las; eles tendem a não ter seguro e são difíceis de converter em uma forma de moeda tangível (como dólares americanos ou euros).


Além disso, como as criptomoedas são ativos intangíveis baseados em tecnologia, elas podem ser hackeadas como qualquer outro ativo de tecnologia intangível. Por fim, como você armazena suas criptomoedas em uma carteira digital, se perder sua carteira (ou o acesso a ela ou os backups da carteira), você perderá todo o seu investimento em criptomoedas.


A moeda digital também é suscetível a certas formas de hacking, por isso é importante manter suas contas de criptomoeda extremamente seguras. Se alguém obtiver o endereço e a senha da sua carteira criptografada, essa pessoa poderá pegá-la e você provavelmente não terá como recuperar as perdas.


Antes de investir em uma criptomoeda, certifique-se de entender como ela funciona, onde pode ser usada e como trocá-la. Assim como uma pessoa não carregaria milhões de reais em um saco de papel, não escolha uma carteira desconhecida ou menos conhecida.



Kommentare


Últimas notícias

Publique uma notícia

bottom of page