top of page
central-cop-30-belem-2025.gif

As Tendências de Negócios que Estarão em Alta em 2023

Final de ano é época de fazermos um balanço do ano que passou e projetarmos metas para o próximo ano


Alice Salvo Sosnowski, especialista em empreendedorismo e consultora de negócios
Alice Salvo Sosnowski, especialista em empreendedorismo e consultora de negócios

O ano de 2022 foi marcado por um cenário político tumultuado, um ambiente de trabalho confuso com a volta presencial aos escritórios e muitas inovações tecnológicas, como o metaverso. Algumas mudanças foram necessárias e permanecerão ano que vem e, outras novas virão. E você e sua empresa estão preparados para enfrentar as mudanças que vem por aí? Confira algumas tendências elencadas pela especialista em empreendedorismo e consultora de negócios Alice Salvo Sosnowski e comece a se preparar para o futuro:



Mudanças no modelo de trabalho


De acordo com a OMS, a depressão e a ansiedade custam à economia global 1 trilhão de dólares a cada ano e, depois da Grande Renúncia, vamos continuar questionando o valor do trabalho como prioridade para o bem-estar humano. Depois que o Burnout foi reconhecido como doença do trabalho, o tema da saúde mental estará cada vez mais presente nas empresas. Mudanças são necessárias para que as corporações se tornem, de fato, ambientes saudáveis. Afinal, os profissionais estão buscando cada vez mais empregos que tragam realização pessoal, qualidade de vida e boas oportunidades de desenvolvimento


A era dos dados e a cybersegurança


Estamos na era dos dados e ela está se tornando primordial nas organizações de qualquer setor ou porte. A inteligência de dados pode apoiar a tomada de decisões estratégicas das empresas, mas para isso é preciso saber armazenar, processar e extrair insights para os negócios sem se descuidar da proteção das informações de clientes, fornecedores e das próprias empresas.


A neurociência será a aliada de empresas de tamanhos variados


Há uma série de gatilhos mentais utilizados com a intenção de aumentar as vendas. Em um mundo cada vez mais digital e movido por dados, a ciência e as empresas ainda têm muito a evoluir no entendimento sobre como o cérebro humano se comporta em relação ao consumo. Grandes companhias já são mestres em criar situações que estimulam o inconsciente e provocam a tomada de decisão.


A importância do ESG na agenda das empresas


Podemos ter milhões de dados, podemos estar dentro do Metaverso, mas no final do dia, continuamos a ser de carne e osso. O ESG (Ambiental, Social e Governança) ganha prioridade na agenda das empresas, que precisa assumir seu papel na promoção da vida e de um ambiente melhor para as pessoas, colaboradores, fornecedores, investidores e consumidores. As empresas devem abandonar o curto prazo e trabalhar para melhorar a sociedade, não apenas lucrar com ela, escreveram os membros da Business Roundtable, uma organização sem fins lucrativos baseada em Washington. A ganância não serve mais a ninguém. As empresas adotarão essa mentalidade por conta da própria sobrevivência do planeta.


Crescimento da Economia Criativa


Embora o Brasil não figure entre os principais exportadores de bens e serviços criativos, setor já representa uma parcela importante da economia brasileira, com cerca de 1 milhão de ocupações formais. Há oportunidade para crescimento das empresas brasileiras no segmento de design, moda e cultura explorando as novas mídias de comunicação.



As Soft Skills são cada vez mais relevantes no trabalho


Foco, resiliência, inteligência emocional, autoconhecimento, saber trabalhar em equipe. Estas são Soft Skills ou habilidades leves, intangíveis, em contraposição às Hard Skills, habilidades pesadas, competências que você coloca no currículo. Soft Skills são habilidades muito importantes para o mundo do trabalho, principalmente, para a nova economia.


Novo perfil demográfico


A população idosa brasileira envelhece a uma taxa superior à média mundial. O mercado brasileiro é relevante e a população idosa apresenta uma grande especificidade nos produtos e serviços demandados e, por ser uma população com renda maior do que a população mais jovem, isso terá impacto na estrutura de produtos e serviços que serão necessários.


Mais sobre Alice Salvo Sosnowski


Alice Salvo Sosnowski é jornalista, escritora, consultora de negócios e mentora de empreendedores. Autora do livro Empreendedorismo para Leigos, atualmente é mestranda na FEA/USP. Desenvolve conteúdos, palestras e workshops sobre nova economia e comportamento empreendedor, realiza mentoria para empreendedores e faz consultoria para empresas e instituições de todo o país. Além disso, é autora do livro Empreendedorismo para Leigos e de uma série de e-books que ajudam o empreendedor a planejar e executar seu negócio por meio da inovação e colaboração. Veja mais em: www.opulodogatoempreendedor.com.br.


Veja também:

 

Conheça a Comunidade Belém Negócios. Faça networking e desenvolva novas habilidades. Siga o perfil do Belém Negócios no Instagram.

Comments


Últimas notícias

Publique uma notícia

bottom of page