top of page
central-cop-30-belem-2025.gif

Analisando A Audiência Do BBB 22; Expectativa VS Realidade

Atualizado: 4 de fev. de 2022

O reality mais assistido do Brasil passa por uma maré calma de audiência. Mas isso pode mudar


Analisando A Audiência Do BBB 22
Imagem: Reprodução TV Globo
  • Como está a audiência do BBB 22?

  • Como está a votação do BBB 22?


O maior evento publicitário do Brasil, sem dúvida, é o BBB. O programa tem números gigantescos de audiência. Por isso, as marcas chegam a pagar pacotes milionários para aparecer no reality. A expectativa é alta. Mas o que acontece quando os brothers não colaboram?


Comparando com as edições anteriores, as interações nas mídias sociais relacionadas ao programa não estão muito boas.


Leia também


A essa altura, no BBB 20, o paraense Hadson já protagonizava uma das maiores 'tretas' com o grupão feminino liderado por Rafa kaliman. E no BBB 21, Karol Conká já era tida como a maior vilã de todos os tempos. As hashtags do programa já batiam no teto. Twitter, Instagram, Facebook... só se falava em 'mamacita'.


O que o BBB 22 está entregando?


Bem, deixando as comparações de lado, podemos destacar alguns eventos na casa:

  • O casal Eslô e Lucas protagonizando beijos amarelos;

  • A desenfreada e em parte arrependida amizade colorida de Maria e Eli;

  • As "paranoias" do eliminado Rodrigo;

  • E Jade tentando se encaixar e aprendendo como varrer uma casa.

Não tem muito mais que isso. Ainda não teve uma cena daquelas que faz o público parar de fazer o que estiver fazendo para ir correndo pro Globo Play. Ou teve?


A audiência do BBB 22


Na estreia, segunda-feira (17), o programa havia registrado 27,9 pontos. Na quarta (19) marcou 24,3. Apesar da queda neste período, a atração foi o programa mais visto da TV nos últimos três dias.


Em São Paulo, o reality teve 20 pontos de média (exibido nesta terça, 01, mais tarde, após o futebol: 23h28 a 0h33). Com isso, o programa teve um crescimento de +6 pts (+43%) de audiência e +12 pts de participação na média da faixa em comparação com as quaro terças anteriores.

Mas, como o programa é o maior evento televisivo atual, comparar os números com dias normais não dizem muita coisa.


Na última eliminação, Tadeu Schmidt, o apresentador que estreia neste ano, informou que a votação havia ultrapassado 116 milhões de votos, mas no fim ultrapassou a marca de 120 milhões. Em números de votos o programa está bem. Mas nos pontos de audiência nem tanto. A eliminação de Rodrigo foi a menos assistida nos últimos três anos.


O segundo eliminado da edição anterior, Petrix, tinha sido eliminado com 80,27% dos votos, demonstrando uma expressiva rejeição (que aliás, é em cima disso que o programa aposta suas fichas).


O que pode vir por aí no BBB 22?


O BBB 22 ainda não chegou perto de entregar o que se esperava. Mas o público, apaixonado pelo programa, está apostando numa reviravolta. Os anunciantes também.


Um fator interessante conta a favor. Neste ano, o Globo Play tem mais assinantes, o que significa mais pessoas assistindo ao peyperview.


A plataforma de streaming supera 20 milhões de usuários únicos ativos, segundo uma recente pesquisa de mercado analisada pelo Canal Tech.


Nem tudo está perdido. Temos personagens que prometem entretenimento. Linn da Quebrada, Nayara Azevedo, Arthur e Abravalândia, entre outros, são Brothers que não seguram a língua na hora de um embate. Veremos.


Pode ser que depois desta análise, um vilão se desmascare, uma vítima seja injustiçada, os grupos comecem a se alfinetar de verdade e tudo mude. E então as esperadas polêmicas (que giram o programa) estarão servidas.


Quer saber mais? Siga o Belém Negócios no Instagram e no Google News.

Comments


Últimas notícias

Publique uma notícia