top of page
Belem-negocios-connection.gif

Você precisa analisar essas 6 desvantagens antes de abrir um negócio

Atualizado: 29 de jun. de 2021


Estamos vivenciando uma fase em que existem um maior número de pessoas querendo empreender, isto em todo o Brasil. No Pará, especificamente, recordes de abertura de novas empresas foram batidos no ano de 2020. Em uma pesquisa publicada pelo SEBRAE, constatou-se que mais de 79% das novas vagas de empregos foram oferecidas por pequenos e micro negócios.


Isso significa que as pessoas estão preferindo apostar em seus “sonhos” em vez de dedicar o máximo de tempo para receber o mínimo que as empresas estão dispostas a pagar ao assinam suas carteiras de trabalho.


No ponto de vista econômico, este cenário é muito bom, o governo tende a incentivar o empreendedorismo escalonado, levando em consideração que haverá mais impostos para arrecadar.

Mas se você é um desses que está pensando em largar o emprego para investir em seu próprio negócio, precisa analisar as principais desvantagens que todo empreendedor se sujeita à enfrentar.


O site Econoweek publicou um artigo na qual se discute se vale a pena abrir um negócio no Brasil e elencou as desvantagens. Confira:

  1. Burocracia

O Brasil é conhecido por excesso de burocracia e processos desencontrados que dificultam a vida de quem quer empreender. Na média nacional, leva-se dois meses para abrir uma empresa, nove para conseguir licenças e alvarás, e na cidade de São Paulo, por exemplo, são 529 dias para regularizar um imóvel corporativo. É muito tempo!


  1. Garantias


Embora não seja preciso largar o emprego para empreender, quando essa hora chegar, há vários direitos do trabalhador com carteira assinada que o empresário não tem, como: Rendimento fixo, Férias Descanso remunerado, FGTS, Décimo terceiro, Salário...


  1. Estatísticas dos despreparados

Segundo o Sebrae, 24% das pequenas e médias empresas (PMEs) fecham antes de completarem dois anos de vida. Essa parcela chega a 50% nos primeiros quatro anos de funcionamento. Motivos: além de tudo o que falamos, a falta de preparo em gestão é crucial. Mas a gestão financeira é uma das mais importantes.

  1. Multitasking


Ao empreender, inicialmente, você cuidará de tudo. Da gestão financeira, de pessoal, ao atendimento de cliente e qualidade do produto, e o que poderia ser interpretado como vantagem para alguns pode se não transformar em desvantagem para outros.

Conforme a empresa cresce, você vai delegar muito mais, mas jamais deixará de ter uma visão global das tarefas.

  1. Férias Nunca Mais


Engana-se quem pensa que ser empresário é trabalhar a hora que quiser, sem dar satisfação a ninguém. Quem empreende costuma trabalhar muito mais, assumindo riscos de o negócio dar errado, além da responsabilidade de pagar os salários do time em dia.


  1. Muitos Chefes


Em um emprego tradicional costumamos ter um ou dois chefes. Ao empreender, você passará a ter tantos chefes quantos forem seus clientes. Uma loja online provavelmente terá centenas ou milhares de clientes. Se um cliente é chato e não dá certo trabalhar com ele, tudo bem... Ainda temos outros que são legais e continuam nos pagando. É só não renovar o contrato com o "chatão".

Comentários


Últimas notícias

Publique uma notícia

bottom of page