top of page
central-cop-30-belem-2025.gif

Programa vai destinar R$ 360 mil para startups do Norte lideradas por mulheres

O valor total da premiação chega até R$1,8 milhão; saiba como participar



Como forma de estimular startups lideradas por mulheres, a Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (FIERO), sediou na última sexta-feira, 23, a palestra sobre o 4º Programa Mulheres Inovadoras, iniciativa da Financiadora de Estudos e Projetos (FINEP), empresa vinculada ao Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação (MCTI). O objetivo é contribuir para o aumento da representatividade feminina no cenário empreendedor nacional, por meio da capacitação e do reconhecimento de empreendimentos que possam favorecer o incremento da competitividade brasileira. 


O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de Rondônia (SENAI-RO), por meio da Gerência de Soluções em Tecnologia e Inovação (STI) teve participação efetiva na organização do evento, que teve como palestrante, o analista sênior da FINEP, Rochester Costa. Em sua apresentação, Costa apresentou as principais linhas de crédito oferecidas pela FINEP, e os requisitos para que as empresas participem desta edição do Programa Mulheres Inovadoras. 


De acordo com Costa, seis startups de cada uma das regiões do país serão aceleradas e receberão um prêmio. Nesta quarta edição, o valor total da premiação será de R$ 1,8 milhão, sendo distribuídos R$ 360 mil por cada região, cabendo à primeira startup colocada o valor de R$ 100 mil e de R$ 52 mil para as outras cinco premiadas. 


Durante a palestra foram anunciadas novidades nesta edição. Entre elas, estão temas alinhados com as diretrizes prioritárias como saúde, combate à fome, defesa e segurança nacional, transição energética, transformação digital e bioeconomia. "São os eixos estratégicos que devem orientar a atuação da FINEP  na busca da reindustrialização do Brasil em novas bases", comenta. 


Costa enfatiza que a participação das mulheres na produção científica e tecnológica é uma questão de excelência e estimular a presença feminina no ecossistema de inovação é um instrumento para elevarmos os níveis de competitividade da nossa economia. “E entidades como o SENAI podem contribuir neste processo”, afirma. 


Conforme a consultora do SENAI/STI, Cleópatra Caldeira, o Programa Mulheres Inovadoras é uma excelente oportunidade para impulsionar os negócios liderados por mulheres na Região Norte. “Na edição passada tivemos uma empresa de Rondônia selecionada e que recebeu incentivos da FINEP para alavancar e expandir seus negócios”, enfatiza. 


A contadora Luziete Cordeiro de Souza se interessou em participar do evento promovido pela FIERO-SENAI, pois tem um escritório próprio, e gostaria de ampliar seu negócio. “Esses encontros são excelentes oportunidades para ampliar nossa visão de empreendedorismo. Essas iniciativas servem para nos mostrar os caminhos que precisamos percorrer para termos uma melhor performance nos nossos negócios”, pontua. 


Já a empresária Larissa Pires, que atua em alguns segmentos em Porto Velho, disse que trabalha em um programa chamado Mulheres Líderes, que tem foco no incentivo ao empreendedorismo feminino. “Tive a curiosidade em participar desta palestra para entender como funciona o Mulheres Inovadoras e de que forma a FINEP e o SENAI podem auxiliar na melhoria dos resultados, por meio de soluções de inovação e tecnologia”, informa. 


O edital para o 4º Programa Mulheres Inovadoras pode ser conferido no Portal da FINEP.

コメント


Últimas notícias

Publique uma notícia

bottom of page