top of page
central-cop-30-belem-2025.gif

O Que É Uma Startup?

Quer abrir uma startup? Tem uma ideia de negócio inovadora? Aqui tem tudo que você precisa saber sobre startups


O Que É Uma Startup?
Imagem: Unsplash

Tudo o que você precisa saber sobre startups, o modelo de negócio que vem atraindo milhares de empreendedores nas últimas décadas e contribuindo para o mercado de tecnologia e inovação. Entenda se você tem um perfil para abrir um negócio desse tipo e quais são as vantagens e desvantagens.


Veja também:


O que é uma startup?


O termo startup refere-se a uma empresa nos primeiros estágios de operações. As startups são fundadas por um ou mais empreendedores que desejam desenvolver um produto ou serviço para o qual acreditam haver demanda. Essas empresas geralmente começam com custos altos e receita limitada, e é por isso que procuram capital de várias fontes, como capitalistas de risco.



Conceituando

  • Uma startup é uma empresa que está nos estágios iniciais de negócios.

  • Os fundadores normalmente financiam suas startups e podem tentar atrair investimentos externos antes de decolarem.

  • As fontes de financiamento incluem familiares e amigos, capitalistas de risco, crowdfunding e empréstimos.

  • As startups também devem considerar onde farão negócios e sua estrutura legal.

  • As startups vêm com alto risco, pois o fracasso é muito possível, mas também podem ser lugares muito únicos para trabalhar com grandes benefícios, foco na inovação e grandes oportunidades de aprendizado.


Entendendo as startups


Startups são empresas ou empreendimentos focados em um único produto ou serviço que os fundadores desejam trazer ao mercado. Essas empresas normalmente não têm um modelo de negócios totalmente desenvolvido e, mais importante, carecem de capital adequado para passar para a próxima fase do negócio. A maioria dessas empresas é inicialmente financiada por seus fundadores.


Muitas startups recorrem a outras para obter mais financiamento, incluindo familiares, amigos e capitalistas de risco. O Vale do Silício é conhecido por sua forte comunidade de capitalistas de risco e é um destino popular para startups, mas também é amplamente considerado a arena mais exigente.


As startups podem usar capital semente para investir em pesquisa e desenvolver seus planos de negócios. A pesquisa de mercado ajuda a determinar a demanda por um produto ou serviço, enquanto um plano de negócios abrangente descreve a missão , a visão e os objetivos da empresa, bem como as estratégias de gerenciamento e marketing.



Considerações Especiais


Há uma série de fatores diferentes que os empreendedores devem pensar ao tentar tirar suas startups do papel e iniciar as operações. Listamos alguns dos mais comuns abaixo.


Localização


A localização pode fazer ou quebrar qualquer negócio. E muitas vezes é uma das considerações mais importantes para quem está começando no mundo dos negócios. As startups devem decidir se seus negócios são realizados online, em um escritório ou home office, ou em uma loja. A localização depende do produto ou serviço oferecido.


Por exemplo, uma startup de tecnologia que vende hardware de realidade virtual pode precisar de uma vitrine física para oferecer aos clientes uma demonstração presencial dos recursos complexos do produto.


Estrutura legal


As startups precisam considerar qual estrutura legal melhor se adapta à sua entidade. Uma empresa individual é adequada para um fundador que também é o principal funcionário de uma empresa. As parcerias são uma estrutura legal viável para empresas que consistem em várias pessoas que possuem propriedade conjunta e também são bastante simples de estabelecer.


No Brasil, para abrir uma startup são necessários contrato social e documentação básica, como as cópias de RG e CPF dos sócios, contrato de locação da sede da empresa ou carnê do IPTU. São trinta dias para finalizar o processo e, claro, é imprescindível um estudo prévio assim como um planejamento estratégico.



Financiamento


As startups geralmente levantam fundos recorrendo a familiares e amigos ou usando capitalistas de risco. Este é um grupo de investidores profissionais especializados em financiar startups.


O crowdfunding tornou-se uma maneira viável para muitas pessoas obterem acesso ao dinheiro necessário para avançar no processo de negócios. O empresário monta uma página de crowdfunding online, permitindo que pessoas que acreditam na empresa doem dinheiro.


As startups podem usar o crédito para iniciar suas operações. Um histórico de crédito perfeito pode permitir que a startup use uma linha de crédito como financiamento. Essa opção apresenta o maior risco, principalmente se a inicialização não for bem-sucedida.


Outras empresas escolhem empréstimos para pequenas empresas para ajudar a impulsionar o crescimento. Os bancos normalmente têm várias opções especializadas disponíveis para pequenas empresas – um microcrédito é um produto de curto prazo e juros baixos adaptado para startups. Muitas vezes é necessário um plano de negócios detalhado para se qualificar.


Veja também:


Vantagens e desvantagens das startups


Há uma variedade de vantagens em trabalhar para uma startup . Mais responsabilidade e oportunidades para aprender são dois. Como as startups têm menos funcionários do que as grandes empresas estabelecidas, os funcionários tendem a usar muitos chapéus, trabalhando em uma variedade de funções, o que leva a mais responsabilidade e oportunidades de aprendizado.


As startups tendem a ser mais descontraídas por natureza, tornando o local de trabalho mais uma experiência comunitária, com horários flexíveis, maior interação com os funcionários e flexibilidade. As startups também tendem a ter melhores benefícios no local de trabalho, como creches para crianças, comida grátis e semanas de trabalho mais curtas.


O trabalho em startups também pode ser mais gratificante, pois a inovação é bem-vinda e os gerentes permitem que funcionários talentosos trabalhem com ideias com pouca supervisão.


Uma das principais desvantagens de uma startup é o aumento do risco. Isso se aplica principalmente ao sucesso e longevidade de uma startup. Novos negócios precisam provar a si mesmos e levantar capital antes que possam começar a lucrar. Manter os investidores satisfeitos com o progresso da startup é fundamental. O risco de fechar ou não ter capital suficiente para continuar as operações antes de obter lucro está sempre presente.


Longas horas são características das startups, pois todos estão trabalhando para o mesmo objetivo – ver a startup ter sucesso. Isso pode levar a momentos de alto estresse e, às vezes, a uma compensação que não é compatível com as horas trabalhadas. A concorrência também é sempre alta, pois tende a haver um punhado de startups trabalhando na mesma ideia.



Prós


  • Mais oportunidades para aprender

  • Maior responsabilidade

  • Flexibilidade

  • Benefícios do local de trabalho

  • A inovação é incentivada

  • Horas flexíveis


Contras


  • Risco de falha

  • Ter que levantar capital

  • Alto estresse

  • Ambiente de negócios competitivo


Exemplos de startups


Muitas das empresas mais bem-sucedidas de hoje – Microsoft ( MSFT ), Apple ( AAPL ) e Meta ( FB ), anteriormente Facebook, para citar algumas – começaram como startups e acabaram se tornando empresas de capital aberto .


Como você inicia uma empresa de Startup?


O primeiro passo para iniciar uma startup é ter uma grande ideia. A partir daí, a pesquisa de mercado é o próximo passo para determinar quão viável é a ideia e como é o mercado atual para sua ideia. Após a pesquisa de mercado, a criação de um plano de negócios que descreva a estrutura, metas, missão, valores e objetivos da sua empresa é o próximo passo.


Um dos passos mais importantes é a obtenção de financiamento. Isso pode vir de economias, amigos, família, investidores ou um empréstimo. Depois de levantar fundos, certifique-se de ter feito toda a documentação legal e burocrática correta. Isso significa registrar sua empresa e obter as licenças ou autorizações necessárias. Depois disso, estabeleça um local de negócios. A partir daí, crie um plano de publicidade para atrair clientes, estabelecer uma base de clientes e adaptar-se à medida que sua empresa cresce.



Como obter empréstimo para sua startup?


Uma startup pode obter um empréstimo de um banco, certas organizações ou amigos e familiares. Uma das melhores e primeiras opções deve ser trabalhar com a US Small Business Administration, que oferece microempréstimos para pequenas empresas. O empréstimo médio da SBA é de US$ 13.000 e o valor máximo do empréstimo é de US$ 50.000. Esses empréstimos são geralmente de credores comunitários sem fins lucrativos e podem ser mais fáceis de obter do que os empréstimos tradicionais de bancos.


Você também pode cadastrar a sua startup no primeiro marketplace de startups do Brasil. Você pode elaborar a sua proposta e ser listado gratuitamente na plataforma, que por sua vez, envia seus dados para um mailing segmentado de investidores.


Quais são os benefícios de trabalhar para uma startup?


Os benefícios de trabalhar em uma startup incluem maiores oportunidades de aprendizado, maior responsabilidade, horários de trabalho flexíveis, um ambiente de trabalho descontraído, maior interação com os funcionários, bons benefícios no local de trabalho e inovação.


Quer saber mais? Leia as últimas notícias sobre negócios.


*Fonte Investopedia

Commenti


Últimas notícias

Publique uma notícia

bottom of page