top of page
central-cop-30-belem-2025.gif

Mercado Livre Anuncia Centro De Distribuição Na Grande Belém

A gigante do e-commerce mira o Norte do Brasil para ampliar a sua logística


Mercado Livre Anuncia Centro De Distribuição Na Grande Belém
Centro de Distribuição do Mercado Livre (Divulgação)

O Mercado Livre anunciou que está expandindo a sua rede de distribuição para o Norte do Brasil. A empresa que mais alugou galpões nos últimos anos vai instalar um megacentro de distribuição localizado na Grande Belém, potencializando o seu alcance logístico.


O Mercado Livre inaugurou só em fevereiro deste ano quatro novos centros de distribuição (CDs), todos no estado de São Paulo.


A empresa acredita que, com a estrutura logística em expansão, ganhará mais agilidade e eficiência em toda a operação.


Saiba mais:




A estrutura logística do Mercado Livre


A companhia conta atualmente com uma frota própria de veículos composta por 51 carros elétricos, 3 mil caminhões, 1,1 mil vans, três aviões e 26 carretas movidas a gás e mais de 13.000 veículos atuando na última milha.


A empresa anunciou recentemente o Mercado Envios Extra, em que entregadores autônomos passam a integrar a rede de Envios.


Os CDs armazenam inventário dos vendedores para que os itens sejam separados, embalados e despachados após uma compra.


Hoje, 30% das entregas do Mercado Livre saem de centros no modelo de fulfillment. Com esse formato, o Mercado Livre pretende chegar a nove centros de distribuição em todo o Brasil.


Centro de Distribuição do Mercado Livre na Grande Belém


O novo centro de distribuição do Mercado Livre na Grande Belém será fixado na cidade de Marituba, distante 11 km da capital.


“Todos esses anúncios vêm para continuarmos crescendo por meio de melhoria na experiência do consumidor”, afirmou na coletiva de imprensa Leandro Bassoi, vice-presidente de logística do Mercado Livre para a América Latina.



Mercado Livre Anuncia Centro De Distribuição Na Grande Belém
Leandro Bassoi, vice-presidente de logística do Mercado Livre para a América Latina (Divulgação)

“Geramos uma melhor experiência chegando mais rápida na casa dele. Mas o objetivo é não apenas chegar rápido até a Faria Lima [centro financeiro na cidade de São Paulo], mas até qualquer lugar do Brasil”, completou Luiz Vergueiro, diretor de operações do Mercado Livre no Brasil.


A expansão logística será acompanhada por criação de empregos.


“Temos duas bases de sustentação para a logística. A primeira é nossa tecnologia, desenvolvida internamento para dar mais controle e agilidade de processos. A segunda base é equipe. São milhares de pessoas que fazem os pacotes chegarem às casas dos consumidores”, afirmou Vergueiro.


Quer saber mais? Siga Belém Negócios no Instagram.

1件のコメント


Mirtes Silva
Mirtes Silva
3月18日

Boa tarde tenho uma transportadora como faço pra cadastrar pra entregar

いいね!

Últimas notícias

Publique uma notícia

bottom of page