top of page
central-cop-30-belem-2025.gif

Iniciativa Pretende Atrair R$1,65 mi em Aportes para Negócios de Impacto da Amazônia

Acaba de ser lançada a nova Rodada de Investimentos para negócios localizados na região amazônica: a “100% Amazônia”, “Belterra” e “COOPASMIG”


Belém Negócios, Rodada de Investimento da Sitawi
Imagem divulgação

Em um momento histórico de retomada do Brasil ao protagonismo positivo nas pautas mundiais de sustentabilidade e preservação de territórios e populações locais, biodiversidade e clima, três negócios de impacto socioambiental na Amazônia estão abertos a investimentos. Acaba de ser lançada a nova Rodada de Investimentos para negócios localizados na região amazônica: a “100% Amazônia”, “Belterra” e “COOPASMIG”. Juntas, elas pretendem receber R$1,65 milhão em aportes. A iniciativa é da Sitawi Finanças do Bem, que já mobilizou mais de R$11,7 milhões em 11 rodadas desde 2019. É a última grande chance deste ano para que pessoas e empresas possam aliar investimento e propósito ao aportar - a partir de R$10 - recursos para o desenvolvimento sustentável da maior floresta tropical do mundo, com rentabilidade de 14%a.a. Abaixo, os empreendimentos elegíveis para esta Rodada Amazônia, com suas histórias, estruturas, propósitos e objetivos com os valores a serem arrecadados.



Priorizando sempre o propósito, a Sitawi possibilita a este empreendedores melhores condições de juros e pagamento em relação ao que conseguiriam no mercado tradicional (bancos e financeiras), além de também receberem apoio técnico e consultoria durante todo o tempo do empréstimo.


100% Amazônia (Pará) - Fundada e liderada por mulheres, é uma organização exportadora (mais de 60 países) de produtos florestais sustentáveis com mais de 50 produtos, como cupuaçu, andiroba, açaí, entre outros, em uma rede que beneficia diretamente 590 famílias, preservando mais de 168 mil hectares. O investimento é voltado para compra de matéria-prima, para estoque em sua primeira Fábrica da Floresta, capex para ampliação da produção com a compra de equipamentos e marketing internacional, aumentando os lucros com o próprio controle de diversas etapas. Estimam receber R$850 mil na Rodada para implementação da fábrica e expansão de negócios, incluindo portfólio de produtos processados, famílias envolvidas e renda atraída. A 100% Amazônia participou da quinta rodada da Sitawi, na qual foi recordista em aportes.


COOPASMIG (Pará) - Cooperativa fortalecida por uma engajada rede de agricultores familiares agroextrativistas de São Miguel do Guamá, com destaque para lideranças femininas e quilombolas, que vivem da venda de produtos de riquezas da terra como o açaí, tucumã, mandioca e murumuru, entre outros. São mais de 120 famílias envolvidas diretamente. Está em vias de erguer a própria fábrica de processamento da mandioca a partir do seu crescimento orgânico que possibilitou a compra de um terreno e início das obras. O investimento será o primeiro buscado pela cooperativa para acelerar o seu crescimento e proporcionar maiores margens de lucro para seus cooperados. Em cinco anos de operação não contraíram dívidas e aguardam o investimento de R$100 mil nesta rodada.


Belterra (Pará, Bahia, Rondônia, Mato Grosso e Minas Gerais) - Fundada em 2020, oferece serviços de parcerias na implantação e manejo sustentável de áreas agroflorestais. Por meio dessas parcerias com pequenos e médios agricultores vêm transformando terras degradadas em florestas produtivas no Bioma Amazônico e na Mata Atlântica, que, uma vez estabelecidas, produzem alimentos e outras riquezas locais por décadas, além de recuperar a biodiversidade e fomentar a geração de emprego e renda de muitas famílias rurais. Outro benefício é o fomento à agricultura de baixo carbono. Tem Certificação de Empresa B e faz parte do Pacto Global da ONU. Com uma gestão e finança exemplares, quer captar R$700 mil para seguir na retomada verde e sustentável de novas localidades, aumentando seus êxitos e lucros.


Seleção dos negócios


A Sitawi seleciona negócios formalizados como figuras jurídicas que gerem impacto socioambiental positivo comprovado, sempre de acordo com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU. Além disso, são analisadas a viabilidade econômica e a capacidade de pagamento das organizações. As visitas técnicas pela equipe da Sitawi também fazem parte do processo para facilitar a avaliação de critérios como equipe, liderança, capacidade de execução, mercado e modelo de negócios.


Em relação ao impacto, a Sitawi estuda tanto a extensão (potencial de pessoas beneficiadas) quanto a profundidade do impacto (como essa iniciativa muda a vida dessas pessoas). A avaliação também inclui entrevistas com fundadores, funcionários, clientes e favorecidos, complementando um diagnóstico mais significativo.


“Os negócios que selecionamos para investimento passam por uma análise aprofundada antes de captarem na Plataforma. Nesta análise, consideramos três pilares principais que são as finanças, o modelo de negócios e o impacto. Também realizamos visitas in loco para estreitar o relacionamento, ver a operação do negócio de perto, validar o impacto positivo e os pontos identificados nos meses anteriores de análise. Assim, avaliamos o desempenho da organização baseado nos eixos prioritários e reforçamos a segurança do investimento”, explica Ana Beatriz Villela, Coordenadora de Investimento de Impacto da Sitawi.



Rodadas de empréstimo coletivo


A Plataforma de Empréstimo Coletivo da Sitawi, que surgiu em 2019, já realizou dez rodadas de investimento, que contribuíram para mobilizar capital para 30 negócios de impacto socioambiental positivo, com o apoio de mais de 680 investidores. Já no montante geral de Investimento de Impacto, a atuação da Sitawi Finanças do Bem - pioneira neste segmento desde 2008 - totaliza R$ 27,5 milhões mobilizados para 59 negócios.


As organizações que participaram da última rodada de investimento já estão usando o recurso captado para expandir sua atuação e o impacto socioambiental. São elas: a Orgânicos In Box, do Rio de Janeiro, plataforma que conecta pequenos produtores rurais aos consumidores urbanos através de um serviço de entrega personalizado de produtos sem agrotóxicos, que só em 2021 somou mais de 600 toneladas de alimentos cultivados. O valor captado na rodada 10 da Sitawi, no terceiro trimestre de 2022, está sendo utilizado para capital de giro, bem como para reunir esforços comerciais para expansão para o modelo B2B, visando alcançar escolas, restaurantes, cozinha industrial e varejo. Tem ainda a Sysvale, empresa que realiza a digitalização de sistemas da área de saúde no segmento B2G (Business to Government ou negócios para o governo) com o objetivo de trazer mais qualidade ao processamento de dados de saúde no Brasil. São mais de 2 milhões de pessoas alcançadas nos 38 municípios atendidos, número que deve ser escalado para até 200 localidades a partir dos investimentos da décima Rodada da Sitawi.


Juntos, esses negócios contribuem para 9 dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU.


Modelo de blended finance


O blended finance (ou capital misto) é a combinação de diferentes capitais com expectativas de retorno diferentes, em termos de taxas e de tempo de retorno. A Sitawi utiliza essa ferramenta para mobilização de capital para alavancar o investimento em desenvolvimento sustentável aliando diferentes atores com expectativas de retorno diferentes para o seu investimento. O modelo é estrategicamente usado para estimular investimentos em projetos que contribuem para alcançar as metas dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), estabelecidas pela ONU.


Sobre a Sitawi


A Sitawi Finanças do Bem é uma organização sem fins lucrativos fundada em 2008 com a missão de mobilizar capital para impacto socioambiental positivo. Pioneira no desenvolvimento de soluções financeiras para impacto, já mobilizou mais de R$360 milhões para impacto socioambiental, sendo pioneira no investimento de impacto no Brasil, com mais de 80 transações.


Veja também:

 

Conheça a Comunidade Belém Negócios. Faça networking e desenvolva novas habilidades.


Siga o perfil do Belém Negócios no Instagram.

Comments


Últimas notícias

Publique uma notícia