top of page

Grupo Roma Desiste Da Licitação De Reforma Do Mercado De São Brás

Prefeitura de Belém assume e se reúne com arquitetos para discutir novo projeto


Grupo Roma Desiste Da Licitação De Reforma Do Mercado De São Brás
Imagem: Reprodução TripAdvisor

O Mercado de São Brás, em Belém, deve passar por uma nova licitação de reforma, após a desistência da ROMA Incorporadora e Administradora de Imóveis LTDA (Grupo Roma). Empresa ganhou o direito de administrar o prédio histórico, após uma licitação bastante contestada durante a administração do ex-prefeito Zenaldo Coutinho.


Agora, partes chegaram a um acordo para que o Mercado de São Brás volte a ser administrado pela prefeitura de Belém.



Quase dois anos após o vencimento da licitação, o Grupo Roma não iniciou a reforma que estava prevista no contrato. A última reforma efetiva no local ocorreu em 1999, na primeira gestão do Prefeito Edmilson Rodrigues. Depois só reparos básicos, na gestão do ex-prefeito Duciomar.


O valor da concessão era de R$ 46 milhões e a empresa Roma deveria transformar o espaço em um grande centro cultural e gastronômico um projeto que deveria ser “melhor que os da Europa”, segundo o grupo.


Em 2021, durante a comemoração do aniversário de 110 anos do mercado, a nova gestão da prefeitura demonstrou interesse no mercado.


Em março deste ano, Edmilson Rodrigues e sua equipe, recebeu no gabinete municipal, o arquiteto Aurélio Meira, que apresentou um projeto para revitalização e requalificação da construção.



O projeto consiste na modernização do mercado e do entorno, com áreas lazer e convivência, restaurantes e novos espaços para os comerciantes que atuam no local.


A novela continua...


A nossa equipe entrou em contato com o Grupo Roma. A matéria será atualizada caso responda.


Quer saber mais? Siga Belém Negócios no Instagram.

bottom of page