top of page
Belem-negocios-connection.gif

1% dos mais ricos controla quase metade de todo recurso do Brasil

Relatório demonstra a maior proporção de riqueza em poder dos mais ricos quando comparada com outros 10 países analisados

1% dos mais ricos controla quase metade de todo recurso do Brasil
Acúmulo de riqueza gera desigualdade social

Em relatório levantado pelo banco Credit Suisse o Brasil aparece em primeiro lugar em dados que demonstram o maior acumulo de riqueza entre as pessoas mais ricas. 1% dos mais ricos da população brasileira aumentou sua fatia em 2,7% em 2020 e agora detém quase 50% da riqueza de todo país.


Esta é a maior proporção entre os 10 países analisados pelo estudo, como Estados Unidos, China e Índia.


Em 8 dos 10 países, os mais ricos ampliaram sua parte nos recursos nacionais no ano passado. Índices explicam que, devido aos cortes das taxas de juros em meio à pandemia, acabaram beneficiando os mais ricos diretamente.


A crise mundial não afetou os mais ricos


As 500 pessoas mais ricas do mundo elevaram seu patrimônio líquido combinado em US$ 1,8 trilhão.

O relatório destacou também o rápido aumento das fortunas globais: as 500 pessoas mais ricas do mundo elevaram seu patrimônio líquido combinado em US$ 1,8 trilhão, de acordo com o Índice de Bilionários da Bloomberg.


As desigualdades também aumentaram


Os maiores grupos de riqueza são relativamente imunes às reduções no nível geral de atividade econômica e, mais importante, também se beneficiaram do impacto das taxas de juros mais baixas sobre os preços das ações e dos imóveis, indicou o relatório.

Comments


Últimas notícias

Publique uma notícia

bottom of page